Coronavírus: uso de máscaras agora é obrigatório em BH e em Contagem; outras cidades reabrem comércio

A reabertura do comércio em Betim e em São Joaquim de Bicas está estabelecida em decretos publicados anteriormente. Em Ribeirão das Neves, normas para o funcionamento do comércio serão publicadas nesta quarta-feira (22).

O uso de máscaras em Belo Horizonte e em Contagem passa a ser obrigatório a partir desta quarta-feira (22). A medida é uma das formas de prevenção ao Covid-19. Em três cidades da Grande BH, Betim, Ribeirão das Neves e São Joaquim de Bicas, o comércio pode ser reaberto, mas seguindo recomendações.

A obrigação do uso de máscara em Belo Horizonte, que até agora tem 459 casos da Covid-19, está prevista no decreto publicado pelo prefeito Alexandre Kalil (PSD), na última sexta-feira (17), e seguirá em vigor por prazo indeterminado.

A medida é válida para todo o espaço público, transporte coletivo e para o comércio. Estabelecimentos comerciais na capital vão ter que afixar cartazes informativos sobre a forma correta de utilizar a máscara.

No mesmo cartaz, deverá ser divulgado o número máximo de pessoas permitidas ao mesmo tempo dentro do local. No portal da Prefeitura de Belo Horizonte (PBH) será disponibilizado um modelo como referência.

Quem não utilizar a proteção será impedido de entrar e permanecer nas lojas da cidade. A fiscalização ficará por conta dos próprios comerciantes. Também caberá aos comerciantes controlar o número de pessoas dentro dos locais. Só será permitido um cliente a cada 13 metros quadrados.

Ainda segundo o decreto, em caso de descumprimento, os estabelecimentos terão o Alvará de Localização e Funcionamento recolhido pela Guarda Municipal e o documento será suspenso.

Obrigatoriedade de máscaras no metrô

Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU) informou que, a partir desta quarta, também passa a exigir dos passageiros o uso de máscaras nas 19 estações. A ação foi adotada pela CBTU a partir da determinação do Executivo Municipal.

A CBTU disse que distribuiu cerca de 4 mil máscaras, 2 mil luvas e mais de 500 litros de álcool para os funcionários.

Obrigatoriedade de máscaras em Contagem

A partir desta quarta, o uso de máscaras também será obrigatório para moradores de Contagem, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. De acordo com o decreto publicado no dia 17 de abril, os estabelecimentos autorizados a funcionar e o transporte público da cidade deverão disponibilizar, no mínimo, um funcionário para impedir a entrada e a permanência de pessoas que não estiverem usando o equipamento de forma correta.

Comércio pode reabrir na Região Metropolitana

Em Betim, o uso das máscaras já é obrigatório desde segunda-feira (20). A novidade, a partir desta quarta, será a autorização para reabertura do comércio, seguindo algumas recomendações.

Os comerciantes deverão disponibilizar locais para lavagens de mãos, com toalhas de papel descartáveis, e dispenser de álcool gel. Também deverão manter um termômetro digital remoto na entrada para detectar a temperatura sem contato com a pele. Devem ser proibidos de entrar clientes e funcionários que tiverem temperatura corporal acima de 37°C ou que estiverem sem máscaras.

Os comerciantes também deverão limitar o número de pessoas dentro do estabelecimento de no máximo uma a cada 3 metros quadrados. No caso de filas, o distanciamento mínimo deverá ser de 1,5m.

Em São Joaquim de Bicas, o decreto que prevê a reabertura do comércio foi publicado nesta terça-feira (21). Os estabelecimentos também deverão seguir uma série de recomendações, entre elas, não permitir a aglomeração de pessoas, mantendo uma distância mínima de 2 metros, além de disponibilização de álcool gel.

Em Ribeirão das Neves, a prefeitura não deu detalhes de como será flexibilizada a reabertura do comércio a partir desta quarta-feira (22). Informou apenas que o decreto com normas será publicado na mesma data.

fonte: G1

Desenvolvimento de software sob medida

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here