Janones enfrenta o próprio partido e votará contra a Reforma da Previdência

Contrariando a orientação do próprio partido, o Avante, o deputado federal André Janones (MG), votará não à Reforma da Previdência.


Desde o envio da proposta para o Congresso, o parlamentar se posicionou contra as mudanças nas aposentadorias e pensões. “Boa parte da população brasileira apoia a Reforma, não porque leu o projeto ou porque realmente acredita que irá resolver os problemas da econômica, mas porque foi convencida, de forma fraudulenta, que não há outra alternativa. Mas nós já mostramos que existem várias outras alternativas para que não seja necessário reformar a Previdência dessa forma tão injusta para o trabalhador”, argumentou o deputado da tribuna da Câmara, nesta terça-feira.
Uma das alternativas defendidas pelo deputado é a cobrança dos débitos de grandes empresas ao INSS. Durante seu discurso, Janones apresentou uma lista gigante com o nome de centenas de companhias devedoras. “Me disseram que quem deve à Previdência, não pode pagar porque faliram. Não me consta que o Banco Bradesco esteja quebrado; que a Vale S.A. esteja falida, ela deve R$590 milhões; será que a Ricardo Eletro está quebrada?”, ironizou o congressista.
O início da discussão da Reforma da Previdência está marcado para esta terça-feira, 09, e pode se estender até sábado,13.


Desenvolvimento de software sob medida

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here