Mora em BH? Saiba no mapa se seu bairro tem casos confirmados de COVID-19

Levantamento divulgado pela Prefeitura considera parte dos diagnósticos mapeados até 3 de maio

Assim como nas semanas anteriores, a Região Centro-Sul de Belo Horizonte continua concentrando a maior parte das infecções pelo novo coronavírus na capital mineira. Em novo mapa divulgado nesta terça-feira (12), a prefeitura mostrou como está a distribuição espacial de casos positivos para COVID-19 na cidade.

Os casos foram georreferenciados até o último dia 3. Naquela ocasião, a capital mineira computava 626 diagnósticos. Nem todos, no entanto, estão distribuídos geograficamente por conta de “dados inconsistentes de endereçamento”.

O mapa mostra os casos de síndrome gripal (menos graves) e síndrome respiratória aguda grave (os mais graves) com positividade para COVID-19.

Mais uma vez, o levantamento mostra uma grande quantidade de casos em diversos bairros do Centro-Sul da capital, sobretudo em Lourdes, Santo Agostinho, Centro, Savassi, Serra e Funcionários.

A única localidade livre da doença na regional é o Mangabeiras, formado, principalmente, pelo parque próximo à Serra do Curral.

No Oeste de BH, também há alta concentração de casos no Gutierrez, Prado, Buritis, Estoril e Olhos D’Água. A regional é a segunda com mais diagnósticos de COVID-19 na capital mineira.

Para efeito de comparação, as regiões Nordeste e do Barreiro tiveram aumentos visíveis de casos em relação ao levantamento anterior, que considerava as infecções registradas na cidade até 23 de abril.

No Barreiro, bairros como Bonsucesso, São João e a Vila Bernadete, arrasada pelas chuvas em janeiro desse ano, passaram a computar casos no mapa divulgado nesta terça.

Já na Região Nordeste, Jardim Vitória e Goiânia tiveram pacientes diagnosticados com a enfermidade que assusta o mundo.

Todas as regiões de BH concentram casos de COVID-19. Apesar do aumento percebido nos levantamentos recentes, o Barreiro continua com menos diagnósticos que as outras regionais, com exceção da Norte.

fonte: estado de minas

Desenvolvimento de software sob medida

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here