Mulher morre após perder os dois filhos vítimas de ataque do ex na Pampulha

Morreu no início da noite desta sexta-feira (26) Élida Maria Seabra, de 58 anos. Ela estava internada em estado grave no hospital João XXIII, desde a última segunda-feira (22), quando ela e os dois filhos foram atacados pelo seu ex-companheiro, na casa onde moravam, na Pampulha.  

Nas redes sociais, amigos se despediram de Élida. “Hoje você se tornou uma estrelinha, e Deus é tão maravilhoso que levou os seus dois filhos juntos para iluminar mais o céu. Descansem em paz”, disse uma das amigas da mulher.

Mais cedo, o filho mais velho de Élida, o jovem João Pedro Seabra de 26 anos, que estava internado no mesmo hospital, também não resistiu aos ferimentos e faleceu. O irmão mais novo dele, Paulo Seabra, de 23, morreu um dia depois do ataque, na terça-feira (23).

O ex-companheiro de Élida e autor do ataque, Tchaikovsky Mourão, morreu no local do crime. Os dois rapazes e a mãe deles foram baleados pelo autor do crime, que ainda ateou fogo à casa em que os três moravam.

O crime

Na madrugada da segunda-feira, Tchaikovsky Mourão entrou na residência, no bairro Universitário, fazendo vários disparos com um revólver contra Élida e os dois filhos.

Vizinhos da família relataram à Polícia Militar (PM) que o agressor seria atirador profissional e que teria várias armas. Além disso, contaram que ele e a mãe dos rapazes se separaram recentemente. A motivação para o crime seria o fato de ele não aceitar o fim do relacionamento.

Após atirar nas pessoas e colocar fogo na casa, o homem permaneceu no interior da residência até que policiais militares chegassem ao local. Quando entraram na casa, os policiais constataram que o autor do crime tirou a própria vida e que o corpo dele já estava carbonizado.

Fonte:https://bhaz.com.br/2019/04/26/mulher-filhos-ataque-ex-pampulha/

Desenvolvimento de software sob medida

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here